Frete grátis para compras acima de R$169 para sudeste e R$299 para todo o Brasil!

Cafeteira Elétrica

INTRODUÇÃO

Nesse grande universo do café, alguma vez você já deve ter se perguntado: é pecado usar cafeteira elétrica para preparar um café de qualidade? Ok, talvez não nessas palavras, mas acredite, o tema de hoje pode causar algum tipo de intriga no mercado dos baristas. Continue lendo ou assista ao video para descobrir como usar corretamente uma cafeteira elétrica e tudo o que você precisa saber sobre ela. Pegue seu café que já vai começar. Ah! Convidei uma barista diferenciada para dar dicas super interessantes sobre o assunto. Ficou curioso? Então bora descobrir

VOCÊ PRECISA

Café Especial
Cafeteira Elétrica
Água
(Talvez da Alexa também,
dica do Barista)

TEMPO DE PREPARO

5 min.

Alexa, faz meu café?

Alexa é a barista virtual responsável pelo preparo do café e das dicas de hoje. E aí vai a primeira dica: se você não tiver uma Alexa em casa, pode batizar sua cafeteira com o nome que quiser, já que ela é quem fará seu café! Só não se apaixone por ela… Se quiser entender melhor essa referência, checa o vídeo.

Bom, há quem defenda o contrário, mas o uso da cafeteira elétrica não é errado, desde que você utilize da maneira correta. Afinal, elas foram pensadas e projetadas para preparar bons cafés, basta você saber qual cafeteira escolher, pois, algumas podem ter mecanismos prejudiciais que podem interferir no sabor final da sua bebida. Então, é só ficar atento a esses detalhes importantes para uma boa qualidade do seu café.

Um dos seus principais benefícios é que você não terá a preocupação de controlar a extração do café de forma manual, ela fará o trabalho de barista por você. Porém, não descarta a necessidade de ter princípios básicos para preservar a qualidade da bebida e é deste ponto que partimos para os primeiros passos de como utilizá-la da maneira correta. Continue lendo!

Passo 1

Certifique-se que o seu café está guardado em local adequado, dentro da própria embalagem, longe da luz e livre de oxigênio (saiba mais).

Dica:
Você pode usar um elástico (pode ser até aquele de dinheiro) para evitar a entrada do oxigênio na embalagem.

Passo 2

Utilize sempre a proporção adequada (saiba mais sobre proporções).

Dica:
Se você não tiver uma balança, uma colher de medidas pode resolver. Várias cafeteiras elétricas já vem com uma para te auxiliar nessa jornada.

Passo 3

Utilize bons cafés especiais. Escolha perfis que sejam do seu agrado e com a torra fresca. Café velho e de baixa qualidade sempre resultarão em uma péssima bebida!

Atenção:
A cafeteira elétrica não faz milagre, e nem a Alexa!

Passo 4

Dê preferencia para modelos que produzem a medida certa para o consumo imediato.

Dica:
Note que a cafeteira utilizada como exemplo é um modelo de monodose, ou seja, ela prepara uma xícara por vez. Visto que algumas cafeteiras são pensadas na produção de um volume maior, tome cuidado para que você não provoque nenhum tipo de oxidação ou fermentação indesejável em sua bebida ao deixar o café guardado por médio ou longo período. Isso mesmo, o café tem seus inimigos e você pode descobrir mais clicando aqui.

Passo 5

Veja a moagem adequada para a sua cafeteira. Geralmente ficará entre a moagem média e a média fina.

Atenção:
Você pode aprender mais sobre moagem assistindo este video: Tipos de moagem e como usar.

Passo 6

Analise e teste o sistema de filtragem da cafeteira. Avalie o modelo e veja quais pontos negativos precisam ser trabalhados.

Dica 1:
Filtros de nylon podem deixar micro-pó (aquele “pozinho”), sendo perceptível principalmente no fundo da xícara. Dependendo do tipo de nylon, ele pode reter muito os óleos do café. Sem contar que o plástico que sustenta o nylon pode não ser adequado para receber o calor da água, o que pode dar trazer um leve gosto de plástico. Então, para melhor qualidade, escolha cafeteiras com suporte para filtro de papel ou faça uma adaptação (vulgo gambiarra).
Dica 2:
Ah! Não se esqueça de saturar o seu filtro de papel para que assim ele também não interfira no sabor do café (é só você jogar um pouco de água quente nele antes de colocar o pó do café).
Dica 3:
Use sempre água de qualidade no preparo, veja mais neste vídeo.

Passo 7

Não se esqueça de higienizar bem sua cafeteira! Verifique no manual todas peças que podem ser retiradas para higienização, principalmente na parte do filtro, para garantir que não ficarão fagulhas do café. Sempre utilize sabão neutro para limpezas mais completas e a parte amarela da bucha para não provocar ranhuras. Você pode utilizar papel toalha para retirar o resíduo das partes mais complexas.

PRONTO

Agora é só você aproveitar bastante essa praticidade de ter uma cafeteira elétrica em casa.
Legal, não é?

Alexa, qual é a história da cafeteira elétrica?

A cafeteira elétrica surgiu em 1802, inventada por um farmacêutico chamado François Antonie Henri Descroizilles que colocou o nome de Caféolette. Alguns anos depois, o químico Antoine Alexis Cadet de Vaux inventou uma de porcelana, e em 1822 foi criado um protótipo para café expresso por Louis Bernard Babaut. Apenas em 1949 que as cafeteiras elétricas, inclusive as máquinas de espresso, ficaram populares.

Gabriel Guimarães

Iniciou no universo dos cafés ao conhecer Hélcio Júnior, diretor da Unique Cafés, que o convidou para se tornar barista ao perceber a facilidade em comunição e paixão, ao ser atendido por ele em um bar onde o mesmo atuava como bartender.

Curso Cafezeiro Grátis

Aprenda tudo sobre cafés neste curso exclusivo!

Compartilhe com os amigos cafezeiros!

MAIS CONTEÚDO

Como avaliar a qualidade da crema de café espresso

Como avaliar a qualidade da crema de café espresso

INTRODUÇÃO Quem vê cara, não vê coração, mas quem vê a crema de espresso, já sabe da qualidade! Se você é fã do café espresso, provavelmente já ouviu falar sobre isso. Hoje te mostraremos quais problemas podemos identificar através da crema do espresso e quais são as...

Como fazer café espresso evitando 07 erros imperdoáveis

Como fazer café espresso evitando 07 erros imperdoáveis

INTRODUÇÃO O sabor cítrico com notas de chocolate e caramelo são possíveis de serem percebidos em cafés especiais (alta qualidade). Nesse sentido, o café espresso é conhecido por ser um potencializador de sabores. Imagina a riqueza de experiências que você pode...

Posso mexer o café filtrado?

Posso mexer o café filtrado?

INTRODUÇÃO Antes de tudo, é importante relembrarmos que cada etapa do preparo de um café interfere diretamente no resultado da bebida. Em outras palavras, isso significa que a maneira como você filtra o café (a moagem que você utiliza e as técnicas) influenciará no...

QUER MAIS?

Todo cafezeiro quer sempre aprender mais! Então fizemos muito conteúdo para você aproveitar! É só pesquisar abaixo:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0
    0
    Carrinho
    Carrinho vazioRetornar à loja
    Conversar
    Oi, precisa de uma mãozinha?

    ×