Frete grátis para compras acima de R$169 para sudeste e R$299 para todo o Brasil!

O que é café descafeinado?

Café sem cafeína existe? Existe sim, e é dele que vamos falar hoje: tudo sobre o café descafeinado, começando de como é feito!

INTRODUÇÃO

Claudinho sem Bochecha, futebol sem bola, café sem cafeína… Cabia na música, não cabia? Mais ou menos, porque na verdade existe sim, e é dele que vamos falar hoje: tudo que você deveria saber sobre o café descafeinado!

Primeiramente, a cafeína é um composto químico natural e estimulante encontrado na composição de alguns alimentos, como chás, refrigerantes, chocolates, café, etc… Em contrapartida, no café descafeinado, assim como o próprio nome já diz, existe uma redução desse componente. Acredita-se que, apesar de parecer que não há nenhum resquício da substância, na verdade ele possui 3% de cafeína em sua composição. Será que é verdade?

Muitos cafezeiros pelo mundo preferem apreciar seu café sem cafeína, outros acreditam não fazer sentido. Então, resolvemos colocar os pingos nos i’s e o café na xícara para você conseguir entender mais a diferença do café descafeinado do cafeinado.

Quer saber mais sobre como é removida a cafeína do seu café ou de quem foi essa ideia? Qual o melhor café descafeinado do mercado e, caso não tenha tido essa experiência ainda, por que tomar café descafeinado? Esse é seu momento!

Quem descobriu o café descafeinado?

quem fez esse divórcio?

Antes de tudo, essa ideia surgiu através do químico Alemão: Friedlieb Ferdinand Runge. Teve dificuldades para pronunciar este nome, né? Não se preocupe, clique aqui para ouvir! Então, se liga nesta história:

Certa vez, o poeta Johann Wolfgang Von Goethe ganhou algumas sementes de café e presenteou seu amigo cientista. Foi quando Friedlieb Ferdinand Runge, em seus experimentos, conseguiu isolar a substância cafeína do grão de café. A partir daí, começou um trabalho de estudos e testes até que pudesse se tornar um produto.

A história do café descafeinado
Medindo o nível de acidez do café
Medindo o nível de acidez do café

Por que tomar café descafeinado?

para pessoas que não toleram ficar sem café

Mas afinal, quando tomar café sem cafeína? O que acontece com o café, quimicamente falando? Será que perde a graça ou o sentido da bebida? Bom, existem algumas situações bem comuns:

  1. Veja bem, existem pessoas que não podem ingerir cafeína por algum tipo de intolerância ou por prejudicar alguma ação do seu organismo. Nesse sentido, o café descafeinado é uma ótima opção.
  2. Mulheres gestantes também não devem ingerir cafeína, mas por serem apaixonadas por café, podem aproveitar o descafeinado.
  3. Pessoas que gostam de saborear um café pela noite, mas não querem perder o sono.
  4. Pessoas que, mesmo tomando um café no final da tarde, já perdem a qualidade do sono.
  5. Pessoas que já estão ingerindo cafeína em outros tipos de produtos e, para evitar uma sobrecarga, não desejam ingerir a substância junto de seu café.

De acordo com alguns dados que coletamos, 1 xícara de café tem aproximadamente 85mg de cafeína. Existe um cálculo que mostra quanta cafeína é seguro ingerir usando como base a sua massa corporal.

Por exemplo: uma pessoa de aproximadamente 75kg pode consumir até 5 xícaras de café coado por dia, ou seja, 6mg de cafeína por quilo. Lembrando que esse calculo não é válido para o café espresso, visto que ele tem uma forma de extração diferente e pode alterar consideravelmente o volume de cafeína da bebida. Você pode descobrir qual método de preparo do café possui mais cafeína neste vídeo também disponível em nosso canal:

Esses números são baseados em uma pesquisa feita no site Minha Saúde“. Porém, o ideal é que você procure seu médico e explique seu consumo diário de café. Assim, ele te orientará melhor, afinal, cada organismo reage de uma forma e o médico poderá apontar de forma mais exata suas limitações em relação à cafeína.

Tudo em excesso faz mal! Inclusive, a cafeína, quando consumida em excesso, pode trazer algumas complicações para o seu organismo. Alguns sintomas comuns desse consumo exagerado são: suor excessivo, ansiedade, insônia, tremores musculares, aceleração cardíaca, etc… Portanto, o café descafeinado pode te proporcionar o prazer da apreciação da bebida sem esses “efeitos colaterais“.

Principais benefícios do café descafeinado

preserve sua saúde tomando uma xícara de café

Agora, aprofundando um pouco mais sobre o assunto, vamos te mostrar 6 benefícios do café descafeinado para a sua saúde. Em outras palavras, a bebida sem cafeína preserva as vantagens já conhecidas do café tradicional, porém, sem promover o aumento dos sintomas de ansiedade, insônia e irregularidades cardíacas. Veja:

Café a qualquer hora: primeiro, você não precisar parar de tomar café só porque tem intolerância à cafeína, mas por gostar de consumir o café durante a noite e não quer perder o sono por conta disso. Talvez, se o café da tarde já é o suficiente para te deixar agitado, o descafeinado é uma boa solução.

Previne o câncer: alguns estudos de nutrição apontam que o consumo de 3 xícaras de café por dia podem reduzir o risco de alguns tipos de câncer, como: câncer de pele, próstata e outros. Portanto, este benefício se mantém para cafés descafeinados.

Previne diabetes tipo 2: ingerir café descafeinado reduz muito o risco do desenvolvimento de diabetes tipo 2 em seu organismo. Isso porque o café contém algumas minerais como o magnésio e outros, em que o próprio organismo utiliza como insulina, ou seja, auxilia na regulagem de açúcares no seu sangue. Lembrando, se é um café descafeinado especial, melhor ainda, porque você não precisará adicionar o açúcar. Confira a pesquisa completa!

Minimiza sintomas de estresse e dores de cabeça: o café descafeinado é rico em vitaminas que são responsáveis pela redução de sintomas causados pelo estresse. Então, enquanto a Vitamina B2 auxilia na prevenção da dor de cabeça, dá aquele UP no sistema imunológico e melhora a saúde da sua pele, a vitamina B3 ajuda a aliviar o estresse se livrando das toxinas do seu organismo. Incrível, né?

Melhora a saúde do coração:  a bebida descafeinada pode ser a melhor opção quando o assunto é saúde cardiovascular. Estudos apontam que pessoas que bebem café diariamente têm 25% menos chances de desenvolver doenças cardiovasculares do que não-bebedores.

Previne envelhecimento e doenças provenientes: o consumo de café está associado à prevenção de doenças como Alzheimer e Parkison decorrentes da velhice. Além disso, algumas pesquisas mostraram que o café pode reduzir o AVC em mulheres.

Você sabia de todos esses benefícios? Ufa! Deu até um alívio saber que, mesmo com algumas limitações, não é necessário para de tomar café definitivamente. Prepare-se para descobrir como essa mágica da remoção da cafeína acontece!

 

Café descafeinado faz mal?

será?

Primeiro, diferente do que muito pensam o consumo de café descafeinado NÃO faz mal. Pelo contrário, se você tem gastrite, insônia ou algum tipo de intolerância a cafeína, o café descafeinado pode ser a melhor opção! 

Agora, se a sua dúvida é mais específica como o consumo de cafeína durante a gravidez, por exemplo, adotar o consumo de café descafeinado também pode ajudar na sede das futuras mamães coffeelovers. Afinal, o máximo de cafeína que uma gestante pode consumir diariamente é de apenas 200mg, que corresponde a 3 xícaras de café espresso.

Nesse sentido, o café descafeinado é o mais recomendado para as gestantes que gostam muito de café devido à quantidade mínima de cafeína. Você sabia disso?

Como é removida a cafeína do café?

entenda como acontece

A primeira forma de remoção da cafeína dos grãos de café aconteceu no ano de 1903, quando o alemão Ludwig Roselius, chefe de uma empresa de café, estava fazendo um transporte de uma carga pelo oceano. Por acidente, a embarcação teve um problema de infiltração de água e os cafés tiveram contato com a água do mar por um longo período da viagem.

Resumindo, esse acidente provocou uma reação na composição do café. A cafeína acabou se desprendendo dos grãos e, quando ele foi fazer a análise sensorial, notou que o café havia perdido certo percentual de sabor e não reagia mais em seu organismo devido à ausência da substância. Interessante, né?

Depois disso, a segunda forma conhecida de remover a cafeína dos grãos de café surgiu da ideia de utilizar alguns solventes químicos. Nesse sentido, um dos solventes mais conhecidos é o benzo. Inclusive, ele tem o mesmo princípio de um produto que você já deve ter visto no mercado: a benzina (um solvente muito forte utilizado para remover tintas automotivas). Só que aí mora um grande problema!

Imagine só o que um solvente capaz de tirar a tinta de um carro pode causar dentro do seu organismo. Assustador, não é? Acredite, por muito tempo a indústria de café descafeinado usou esse solvente para fazer a extração da cafeína.

Em outras palavras, basicamente este processo de aplicação do solvente é feito colocando o café de molho em água com a temperatura um pouco mais alta para que todos os compostos de sabor, inclusive a cafeína, se desprendam dos grãos. Em seguida, é adicionado o solvente para que ele comece a agir na água para “matar a cafeína“. Feito isso, a água passa por um processo de secagem junto aos grãos para que eles absorvam novamente um pouco dos ácidos clorogênicos de sabor do café que ainda existem ali.

Como resultado, o café passa a não ter mais o mesmo sabor, além do malefício dessa interferência do solvente químico no organismo. Atualmente, ainda é utilizado o processo químico, porém, substituíram o solvente benzo por solventes naturais como, por exemplo, o acetato de etila.

Uma outra maneira de retirar a cafeína do café é pouco conhecida por ter o custo mais elevado. Para você entender melhor, os grãos de café cru são colocados em um tambor de inox com água em alta temperatura. Este tambor é tampado e recebe injeções de gás carbônico até atingir a pressão de 1000 libras (unidade de medição da pressão).

Neste caso, o gás carbônico tem a função de atrair a molécula da cafeína. Depois que isso acontece, é retirada a pressão do tambor e feita a separação da água, que passa por uma filtragem. Em seguida, a água é devolvida aos grãos de café e, só assim, passa pelo processo de secagem e torra.

No entanto, uma das maneiras mais sustentáveis e que proporciona o melhor resultado da bebida, hoje em dia, não é baseado em processos químicos perigosos para saúde e nem utiliza o CO².

Quer saber como acontece a melhor forma de extrair a cafeína?

O café cru é colocado em um tanque com água, onde a temperatura se eleva até que os compostos químicos naturais da fruta se desprendam do grão. Quando isso acontece, o café, que já está “sem a cafeína“, é separado dessa água e levado para outro tanque.

Então, a água passa por uma série de filtragens. Geralmente, é utilizado o filtro de carvão ativado que tem a capacidade de absorção da cafeína. O interessante é que, conforme acontecem essas filtragens, é feita uma medição para averiguar se a cafeína realmente está sendo eliminada.

Feito isso, a água, que ainda está saturada das outras características sensoriais, é devolvida para o café. Novamente, as matérias são submetidas à alta temperatura para que os grãos fiquem vulneráveis para receber os compostos de sabores que ainda estão na água. Em seguida, o café passa por etapa de pressão para incorporar bem esses compostos. Por fim, é levado para uma esteira de secagem, é ensacado e depois torrado.

Atualmente, é conhecido dois processos de extração da cafeína que são bem parecidos: o Swiss Water Decafe e o Mountain Water Decafe. O Swiss Water Decafe, método que explicamos como acontece anteriormente, começou ser estudado em 1930 e só foi comercializado em 1979, ou seja, foi um longo período de maturação e entendimento do processo físico-químico do método antes de aplica-lo oficialmente e oferecê-lo à indústria de cafés. Este é o método que utilizamos atualmente em nosso café descafeinado. Saiba mais sobre o processo!

Já o Mountain Water Decafe tem o sistema bem parecido com o Swiss Water Decafe. A diferença é que, além do carvão ativado, a filtragem também passa por alguns outros processos de filtragem. Veja como acontece esse processo:

Infográfico Mountain Water Decaf - Café Descafeinado

Onde comprar café descafeinado de qualidade

pode até ficar sem cafeína, mas que não falte café

Em nossa cafeteria temos o Café Descafeinado na variedade Bourbon Amarelo. Ele passa por um processo natural da retirada da cafeína e, por uma questão sensorial de entender a qualidade do processo, nós optamos pelo método Swiss Water Decafe.

Além disso, é importante você saber que os estudiosos, químicos que fiscalizam os cafés descafeinados pelo mundo, dizem que o café, normalmente, fica com um percentual baixíssimo de cafeína, ou seja, é extraído por volta de 97% do composto. Em contrapartida, a Swiss Water Decafe, aponta que nesse processo é feita a retirada de 99,9% da cafeína, garantindo a segurança para você consumidor.

Finalmente, apesar desse processo diferenciado que o café passa, vale ressaltar que ele passou por todos processos de separação e avaliações para garantir que possui a qualidade de café especial. O processo de retirada da cafeína não interfere na alta qualidade do produto!

Curiosidade: existem alguns órgãos que estudam o café a anos. Nesse sentido, alguns cientistas já estão modificando a semente do café geneticamente. Assim, ela entregará um café naturalmente sem cafeína. Chega a ser inacreditável, né? Enquanto você pensa nisso, que tal aproveitar esse cafezão descafeinado disponível pra você?

Ah, já que você leu esse artigo todo, tem um cupom de desconto exclusivo! Use o cupom “descafeinei” para garantir 5% em seu primeiro pedido.

E confira também esses depoimentos mais recentes sobre o que nossos clientes acharam desse cafezão!

 

42 reviews for Descafeinado

  1. Jardel Favero Jr (comprador verificado)

    Excelente descafeinado. Doce e equilibrado. É a melhor opção para quem precisa ou quer reduzir a cafeína sem perder nada de sabor.

  2. Leonardo (comprador verificado)

    Minha primeira compra de Café na Unique foi este descafeinado. Já havia procurado em outros locais mais realmente fiquei surpreso com a excelente qualidade.

  3. Richard Noble (comprador verificado)

    Café de qualidade e muito gostoso.

  4. Leandro Quites (comprador verificado)

    Excelente Café Descafeinado.Sempre compro Cafés Especiais de várias marcas que utilizam o método Swiss Water e sem dúvidas este é um dos melhores, se não o melhor. Minha esposa já pediu para encomendar mais desse e abandonar os outros que eu comprava. Sabor frutado, notas de cacau e aveludado. Nota 1000. Podem comprar sem medo.

  5. Lilian Junqueira (comprador verificado)

    Confesso que a princípio tive um certo receio, porém, ao abrir a embalagem, sentir o aroma e ver a linda torra, eu soube que seria de excelência. Não ficarei sem!

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.

Descafeinado

(42 avaliações de clientes)

Possui sensibilidade à cafeína? O café Descafeinado Unique tem amargor reduzido, notas de cacau, aroma suave e baixa acidez. Além disso, o processo Mountain Water elimina a cafeína sem produtos químicos.

Gabriel Guimarães

Iniciou no universo dos cafés ao conhecer Hélcio Júnior, diretor da Unique Cafés, que o convidou para se tornar barista ao perceber a facilidade em comunição e paixão, ao ser atendido por ele em um bar onde o mesmo atuava como bartender.

Curso Cafezeiro Grátis

Aprenda tudo sobre cafés neste curso exclusivo!

Compartilhe com os amigos cafezeiros!

MAIS CONTEÚDO

Café amargo: saiba como evitar

Café amargo: saiba como evitar

INTRODUÇÃO Será que a estratégia para evitar o amargor do café é só adicionar açúcar na xícara? Antes de mais nada, é ideal que você entenda essa afirmação: o café especial pode ter notas de amargor naturalmente, porém, na dose certa. Essa característica, assim como a...

Como cafés especiais são pontuados?

Como cafés especiais são pontuados?

INTRODUÇÃO Você sabe como cafés especiais são pontuados? Primeiramente, não é adivinhação, simpatia pelo café, amizade com o produtor nem o número do bingo do último sábado. Em outras palavras, o assunto é complexo e interessante, então decidimos te explicar um pouco...

O que é café Arábica e Robusta?

O que é café Arábica e Robusta?

INTRODUÇÃO Que negócio é esse de café "100% Arábica"? Será que se eu tomar esse café a vida inteira chego a aprender árabe por osmose? Afinal, o que é café Robusta? O que comem, onde vivem? A gente lê isso em várias embalagens de café e até achamos legal, mas na...

QUER MAIS?

Todo cafezeiro quer sempre aprender mais! Então fizemos muito conteúdo para você aproveitar! É só pesquisar abaixo:

1 Comentário

  1. Tive a oportunidade recentemente de tomar esse café descafeinado da Unique, de fato fiquei surpreso! Eu não notei DIFERENÇA alguma dele para um café com cafeína em questão de sabor. Então aproveitei e tomei todas as noites em que queria o sabor do café para aproveitar junto de um doce, mas sem perder o sono. Super recomendo! Ótimo artigo!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0
    0
    Carrinho
    Carrinho vazioRetornar à loja
    Conversar
    Oi, precisa de uma mãozinha?

    ×