Frete grátis para compras acima de R$169 para sudeste e R$299 para todo o Brasil!

11 dicas para deixar seu café mais doce sem colocar açúcar

Ainda não consegue tomar café sem açúcar? Depois dessas dicas vai ficar mais fácil, não perca!

INTRODUÇÃO

Primeiramente, vale ressaltar que um café especial, ou seja, um café de qualidade, já não precisa de açúcar por manter a doçura natural do fruto café. Agora, sabia que dá para deixar o café sem açúcar ainda mais doce?

Em outras palavras, esse é um guia completo com dicas valiosíssimas para ressaltar a doçura do seu café sem precisar adicionar o bendito (ou maldito) açúcar na receita. Então, se você ainda não sabe que café bom tem sabores extraordinários e naturais do próprio fruto, chegou a hora de descobrir!

Será que dá para deixar o café mais doce sem açúcar?

aprenda de uma vez por todas

Recentemente, um dos nossos seguidores fez o seguinte comentário: “POR FAVOOOR, faz um vídeo de forma definitiva, como fazer um café especial mais DOCE possível, para abandonar o açúcar de vez. Já tentei de tudo que é forma e só consigo café amargo, mesmo com especiais.” É claro que atendemos o pedido de socorro desse coffeelover!

Antes de mais nada, é importante saber que, quando falamos de café especial, apontamos para o fruto maduro (se você ainda não sabe a diferença de café especial para os cafés convencionais de mercado, clique aqui). Portanto, assim como uma laranja podre tem gosto ruim, o café podre também apresenta sabores indesejáveis para o paladar.

Nesse sentido, o amargor excessivo na bebida pode ser um indicativo que o café não tem a qualidade necessária para ser considerado especial ou foi preparado de forma inadequada.

Os cafés possuem sim um amargor natural, ou seja, o café tem notas sensoriais de amargor. Porém, neste caso a sensação é evidente na medida certa, tornando o sabor do café desejável ao paladar de quem está degustando. Saiba mais sobre amargor do café.

Por fim, café especial não precisa da adição de açúcar, mas fique tranquilo que vamos te mostrar alguns pontos importantes que permitem uma experiência mais agradável do café sem açúcar. Respondendo à dúvida do nosso amigo e sua também, confira!

01 – Compre café de qualidade

comece por aqui

Primeiro, escolha um café que já tenha uma doçura natural. Como citamos anteriormente, cafés colhidos maduros, selecionados e bem processados são classificados como “especiais” e são naturalmente cafés mais doces na xícara.

Aqui, em nossa loja virtual, todos os cafés são de qualidade especial, assim, você poderá desfrutar dos benefícios do café sem açúcar. Compre cafés mais doces aqui:

02 – Informe-se da torra do café

leia o rótulo, cafezeiro
Nunca se esqueça que a torra é um fator muito importante e influencia diretamente o sabor da sua bebida. Infelizmente, a tendência do consumidor é acreditar que torras escuras indicam qualidade ao café quando, na verdade, esse tipo de torra apenas escondem imperfeições dos cafés ruins. Saiba mais.

A torra é o processo que passa o café de uma semente crua para o que você conhece no supermercado ou através de fotos, aquele grão marronzinho. Assim como você pode deixar uma pipoca tempo de mais na panela e ela queimar, é possível queimar o café através da torra.

Geralmente, você encontra essa informação no próprio rótulo do café. Veja:

Rótulo indicando a torra do café

Nesse sentido, quando a torra é ruim (bem escura), além da tonalidade escura do grão, ele estará envolvido por um tipo de óleo. Este óleo é o que deveria estar dentro do café, no entanto, a torra excessiva faz com que ele gere o que chamamos de carbonização.

A carbonização do grão de café acaba gerando um sabor amargo super indesejável à sua bebida, impedindo que você aprecie seu café sem açúcar.

Você pode aprender com mais detalhes técnicos sobre essa informação assistindo nosso vídeo sobre as cores da torra do café analisadas pelo Agtron. Clique aqui e assista!

03 – Atente-se à descrição de sabor do café

notas sensoriais

Analisando o rótulo do café, você também encontrará as informações de notas sensoriais, ou seja, notas de rapadura, limão-siciliano e mel, por exemplo:

Notas sensoriais que mostram que o café é doce

Este ponto consideramos como uma avaliação abstrata, pois depende da sua habilidade de percepção de sabores. Nesse sentido, pode ser que você esteja começando o hábito de tomar café especial agora e dirá que a informação “notas de amora” não faz sentido algum, afinal, a bebida tem mesmo é gosto de café.

No entanto, aos poucos seu paladar vai se adaptando e ficará mais clara a questão das notas sensoriais do café. Inclusive, se você deseja aprender mais sobre este assunto, clique aqui!

A avaliação sensorial descrita em um rótulo de café pode nos apresentar cafés mais adocicados. Por exemplo, se no rótulo diz que o café tem notas de rapadura, provavelmente trata-se de um café mais doce do que comum.

Nesse sentido, muitas embalagens já indicam se o café tem amargor evidente ou não. Lembrando que, para cafés especiais, o leve amargor presente é descrito como notas de chocolate meio amargo, por exemplo.

Concluindo, essas notas sensoriais podem ser um indicativo de tomada de decisão para você comprar um café mais doce sem precisar do açúcar.

Dica para interpretação das notas sensoriais do café: quanto mais ácido o café for, menos evidente é a sensação de amargor na bebida. O nosso café Bourbon Amarelo, da categoria de Perfis Clássicos em nossa loja virtual, é uma ótima opção para quem deseja começar o hábito de tomar café sem açúcar.

04 – Confira a data de validade e fabricação do café

ninguém merece café vencido

Não espere que um café velho tenha doçura especial, café bom é café fresco. Para apreciar cafés mais doces e sem açúcar, sempre confira a data de validade e fabricação descrita no rótulo.

Diferente dos vinhos, que quanto mais velhos, mais saborosos, o café precisa ser consumido mais fresco. Nesse sentido, uma boa dica é comprar pacotes com menores quantidades. Você perceberá, no consumo de cafés especiais, que geralmente são vendidos pacotes de 250g e 500g.

Isso ocorre porque a intenção é um consumo do café ainda fresco. A quantidade de 1kg pode ser um excesso, fazendo durar mais de 1 mês e deixando o grão oxidado, aumentando o amargor e reduzindo a doçura.

Normalmente, a data de fabricação exibida no pacote é a data da torra, essa é a melhor referência para o frescor, lembrando que uma torra extremamente fresca (menos de 05 dias) também não é agradável. Mas se consumir no período de 10 a 20 dias após torrado, estará aproveitando um café ao máximo de doçura, mediante o perfil comprado.

05 – O armazenamento do café

dicas especiais
A maneira como o café é armazenado influencia diretamente o resultado de sabor da bebida. Portanto, se você deseja uma bebida mais doce ao tomar café sem açúcar, atente-se à maneira como os grãos são armazenados.

Lembre-se, o café é um alimento e, quando fica em contado direto com o oxigênio, pode sofrer a temida oxidação, ou seja, pode degradá-lo e anular a doçura do seu café. Sendo assim, armazenar o café de qualquer jeito não é uma boa ideia. Fique com essas dicas mais detalhadas sobre como guardar seu café em casa:

06 – Compre café em grão

dica de compra

Atualmente, o mercado de cafés especiais oferece opções de comprar café em grãos ou moído. Nesse sentido, a dica para tomar cafés mais doces sem colocar açúcar é: dê preferência para café em grãos.

Quando você compra cafés já moídos existem duas limitações. A primeira é que, dependendo do método de preparo que você utilizará, a moagem feita pela indústria pode ser inadequada. Por exemplo, se você usar um café de moagem fina para uma Prensa Francesa, terá um péssimo resultado.

O segundo ponto é, novamente, a oxidação. Pense comigo, o que é mais fácil de destruir, um prédio ou um tijolo? Sim, o tijolo! Da mesma forma, é mais fácil oxidação um micropó do que um grão inteiro.

Existem muitos moedores no mercado com preços acessíveis, tanto aqui em nossa loja virtual, quanto em sites como o Aliexpress, que vende o Timemore C2, um moedor de alta qualidade que já fizemos review em nosso canal e que você acha sempre com descontos aqui.

07 – Tempo de preparo

cada segundo conta
Fique atento, cafezeiro! A maneira como você prepara seu café pode deixá-lo mais doce ou mais amargo. Quer saber como deixar seu café mais saboroso? Siga essas instruções do barista.

Conforme cada método, o tempo de preparo é importantíssimo, então vamos te dar algumas regras genéricas que podem te auxiliar a princípio. Veja:

  • Preparando o café de forma mais lenta: o resultado da bebida na xícara será mais encorpado, mais doce e com menos acidez. Porém, se esse período exceder, poderá trazer um amargor indesejável para a xícara. É o que chamamos de superextração do café, então, tenha cuidado!
  • O tempo de preparo mais rápido: trará mais suavidade e acidez mais alta. Em contrapartida, se você não souber como controlar esse tempo, pode ocorrer a subextração, ou seja, o café ficará sem sabor, sem retrogosto e insosso.

Por fim, o tempo de preparo vai depender do método de preparo que você utilizará, a moagem, a proporção da receita e a quantidade de café que você deseja servir.

08 – O método de preparo pode deixar seu café mais doce

ou mais amargo

Neste ponto, existem alguns métodos que o barista consegue ter mais controle sobre a extração do café, como por exemplo: o V-60, o Koar e a Chemex. Esses métodos permitem que a extração seja mais lenta ou mais rápida de acordo com o fluxo de água que você realizar.

De outra forma, métodos de preparo como a Prensa Francesa tende a proporcionar o resultado mais fixo, pois o barista tem menos influência na reação do sabor do café.

Já o café espresso é um pouco mais complexo quando o assunto são cafés mais doces. Em outras palavras, não aconselhamos esse método se você está começando agora e busca mais doçura.

Nesse sentido, além da habilidade de preparar um bom café espresso, você precisará saber interpretar doçura, afinal, é uma bebida muito concentrada que naturalmente gera dificuldades para cafezeiros de primeira viagem.

Temos uma playlist completíssima sobre métodos de preparo no Youtube que pode te ajudar a preparar seu café. Clique aqui e divirta-se com a gente! Depois, não esqueça de contar qual é o seu método favorito aqui nos comentários, ok?

09 – A moagem

faz a diferença
Cada método de preparo de café aponta para uma moagem específica conforme a sua funcionalidade. O método Melita, por exemplo, exige que a moagem seja nº 5 (textura próxima de um açúcar cristal). Saiba tudo sobre moagem aqui!

Lembre-se de que você precisará de um moedor em casa para acertar este detalhe, mas se quiser economizar, pode pedir para a cafeteria que você visita moer seu café adequado para seu método de preparo. Outra opção mais prática é comprar em lojas virtuais, como a nossa, em que você pode escolher qual tipo de moagem deseja.

10 – A proporção

matemática da doçura

A proporção de café para determinada quantidade de água poderá deixar seu café mais doce. Portanto, procure um equilíbrio de proporção que deixe seu café mais doce conforme o método e as características do café escolhido. Saiba mais sobre proporções aqui!

11 – A quantidade de café que será feito

notas do barista

Principalmente no universo das bebidas feitas por percolação (como o V-60 ou Koar), a quantidade é determinante na doçura do café.

Nesse sentido, quanto mais café coloco no filtro, mais grossa precisa ser a moagem. Afinal, estamos aumentando a barreira de passagem da água e pode ocasionar amargor evidente na bebida. O vídeo sobre proporção que indicamos acima pode te auxiliar de forma mais prática.

Dicas extras para deixar seu café mais doce

bônus

Inicialmente, citamos 11 pontos principais que você deve considerar para apreciar seu café sem açúcar de forma mais agradável. Agora, te daremos dicas extras que farão total diferença em seu paladar!

 

  1. A temperatura da água
    Temperaturas muito altas da água podem ocasionar amargor indesejável na bebida. Experimente extrair seu café com a água antes de chegar no pico de fervura.
  2. Saiba interpretar o amargor do café
    O café tem um amargor natural. Portanto, você precisa ter a referência correta do que é esse amargor natural do café.

Benefícios do café sem açúcar

vale a pena ser cafezeiro

O hábito de tomar café sem açúcar promove diversos benefícios para o seu dia a dia. Confira 5 principais vantagens em atribuir este hábito:

1 – Tomar café sem açúcar pode te livrar de problemas ocasionados pelo consumo excessivo de açúcar a longo prazo, como por exemplo: obesidade, diabetes e outros;

2 – Consumir café sem açúcar, de qualidade, proporciona o aumento da disposição e melhora a concentração;

3 – Diminui a fome e ajuda a emagrecer, uma vez que o açúcar aumenta o apetite, além de ser calórico;

4 – É mais prazeroso e amplia percepções do seu paladar. Passa de uma bebida para uma experiência sensorial;

5 – Diminui risco de doenças ocasionadas pela carbonização de alimentos, visto que o açúcar, geralmente, é aplicado em cafés tradicionais e extrafortes, que não possuem qualidade e são carbonizados (torra muito escura) para disfarçar suas impurezas.

Concluindo, bons cafés não precisam da adição de açúcar. Você pode tornar essa experiência mais agradável seguindo essas dicas e desfrutando das vantagens em ser um cafezeiro raiz. Indique este artigo do blog para seu amigo que ainda tem dificuldades em apreciar café sem açúcar!

Onde encontrar cafés de qualidade?

Q

RECEBA NOVIDADES

Postamos semanalmente conteúdo exclusivo para que você obtenha a melhor experiência na xícara.

Gabriel Guimarães

Iniciou no universo dos cafés ao conhecer Hélcio Júnior, diretor da Unique Cafés, que o convidou para se tornar barista ao perceber a facilidade em comunição e paixão, ao ser atendido por ele em um bar onde o mesmo atuava como bartender.

Curso Cafezeiro Grátis

Aprenda tudo sobre cafés neste curso exclusivo!

Compartilhe com os amigos cafezeiros!

MAIS CONTEÚDO

03 técnicas inusitadas de como usar Prensa Francesa

03 técnicas inusitadas de como usar Prensa Francesa

INTRODUÇÃO Antes de mais nada, você achou mesmo que havia explorado tudo da sua french press? A verdade é que não existe só uma maneira de extrair café neste equipamento e nós podemos te provar isso. Além do método tradicional de preparo, há 3 técnicas inusitadas de...

06 melhores presentes para quem gosta de café

06 melhores presentes para quem gosta de café

INTRODUÇÃO Presentear alguém sempre será um grande desafio em qualquer comemoração ou época do ano, porém, arrumamos um jeito de ser mais fácil. Primeiro, se pergunte: é um presente para quem gosta de café? E claro, se a resposta for SIM, você está no lugar certo....

Cantinho do Café – Como montar, vantagens e inspirações

Cantinho do Café – Como montar, vantagens e inspirações

INTRODUÇÃO Antes de mais nada, se você é um coffeelover alucinado, com certeza já tem ou pensa em ter aquele famoso cantinho do café só seu. Portanto, leia isso antes de começar para evitar erros e ter as melhores dicas! Em outras palavras, um cantinho do café é um...

QUER MAIS?

Todo cafezeiro quer sempre aprender mais! Então fizemos muito conteúdo para você aproveitar! É só pesquisar abaixo:

4 Comentários

  1. Boa matéria!

    Responder
  2. Não consigo tomar café sem açúcar, por achar o sabor muito amargo. Gostaria muito de iniciar, mas gostaria da indicação de um café que não me dê essa sensação tão forte de amargo. Não tenho moedor, prensa francesa, portanto, será no método tradicional de coar o café. Obrigada

    Responder
    • Experimente o Frutado da Unique, você pode comprar já moído aqui no site deles e pode fazer no método que está acostumada 😀

      Responder
  3. Adorei essas informaçoes. Nunca tinha lido algo sobre café com tanta clareza e conteudo tão vasto. Pra mim meu cafezinho feito em casa , comprado em mercado com torra carbonizada, era o melhor do mundo. Nada como ter informaçao e abrir a mente para novas possibilidades. Aprender a sentir as notas sensoriais do café. Muito bom.
    Parabéns .

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Conversar
Oi, precisa de uma mãozinha?

×