Frete grátis para compras acima de R$169 para sudeste e R$299 para todo o Brasil!

Como fazer café espresso evitando 07 erros imperdoáveis

Existem 7 erros muito cometidos por baristas e coffelovers que são imperdoáveis. Será que você errou? Descubra agora!

INTRODUÇÃO

O sabor cítrico com notas de chocolate e caramelo são possíveis de serem percebidos em cafés especiais (alta qualidade). Nesse sentido, o café espresso é conhecido por ser um potencializador de sabores. Imagina a riqueza de experiências que você pode vivenciar fazendo um espresso com café especial!

Quer saber como fazer um café espresso de verdade? Não dá para desperdiçar esse momento cometendo erros com uma bebida tão fantástica como essa, né!?

Hoje viemos com a “psicologia do não” para te passar algumas dicas básicas que fazem boa parte das pessoas, inclusive nas cafeterias, errarem no espresso. Existem 7 erros muito cometidos por baristas e coffelovers que são imperdoáveis. Afinal, prejudicará muito sua experiência com a bebida. Portanto, leia até o final e fique ligado!

Erro 01 – Fazer café espresso com o café mais barato do mercado

economia burra

Antes de mais nada, entenda que a arte de fazer café espresso consiste em potencializar sabores, portanto, utilizar um café especial é muito importante para que sua experiência seja agradável.

Em outras palavras, se você escolher um café com notas cítricas, ao fazer o café espresso, ele ficará extremamente cítrico. Da mesma maneira, se você usar um café que não tem qualidade, ele ficará extremamente horrível.

Portanto, vale ressaltar que apenas cafés de alta qualidade são dotados de fragrância, uniformidade, ausência de defeitos, doçura e retrogosto bem definidos. Características que são impossíveis identificar em cafés ruins. Saiba mais sobre cafés especiais aqui!

Escolher aqueles ingredientes inegociáveis para fazer sua comida favorita é tão importante como fazer café espresso. Não dá para substituir café de qualidade por café ruim. Ah! E se você ainda não sabe qual café escolher para seu espresso, temos uma ótima indicação para você.

Em nossa linha de produtos, nos Perfis Clássicos, você encontra o café Blend, ideal para quem busca o equilíbrio perfeito. Este café é um blend, ou seja, uma mistura, do Unique Frutado com o Bourbon Amarelo. De aroma intenso, sabor doce (notas de caramelo) e torra cor chocolate ao leite, na extração do espresso fica ainda mais magnífico.

Melhor blend de cafés para fazer café espresso

Erro 02 – Utilizar café velho

juntos, forever e shallow now

Além de escolher um café de qualidade, você precisa se atentar se o período de torra desse café está adequado. Afinal, foram feitos vários testes e o período de torra ideal para o preparo de café espresso é de 5 a 10 dias. Assim, o café estará mais equilibrado em suas características sensoriais.

Nesse sentido, o período de torra influencia diretamente no resultado da extração do café espresso. Quando é extraído no período certo, tornará a bebida mais equilibrada e o café estará mais saboroso.

Em contrapartida, se o café estiver com a torra muito antiga ou até mesmo muito fresca, apresentará uma concentração excessiva de dióxido de carbono da semente, resultando em uma bebida com muito creme, porém, muito áspera no sabor.

Então, será que se passar 11 dias após a torra do café ele já é considerado ruim? Não! O café tem um certo período de preservação após a torra, ou seja, como uma data de validade mesmo. Até um mês depois da torra ele ainda está adequado para fazer o café espresso. Após esse período, ele já começa a mostrar características desagradáveis à bebida.

Por fim, é importante você escolher bem. Aqui na Unique Cafés, por exemplo, em todas as nossas linhas de cafés, a data de produção, exibida na embalagem, é exatamente a data em que foi torrado.

Dica especial: que tal ficar expert no assunto? Dá uma olhada nesse conteúdo depois!

Como o tipo de torra influencia o café espresso

Erro 03 – Fazer café espresso utilizando moagem incorreta

não vacile na dieta da moagem

Primeiro, entenda que a moagem do café influencia completamente o sabor da sua bebida e que existe uma moagem adequada para cada método de preparo. Assim, você consegue extrair as características em potencial do café escolhido.

Normalmente, quando o café é extraído nas máquinas de espresso, o ideal é utilizar da moagem média para fina, ou seja, de 1 a 5. Isso porque a máquina de espresso faz uma extração muito rápida. Então, se a moagem do café estiver muito grossa, a água passará com muita facilidade, se estiver muito fina, pode ser que prejudique a extração dificultando a passagem de água, provocando sabor amargo na bebida. O ideal é que encontre uma moagem equilibrada entre a numeração que citamos acima.

Moagem 1: essa é a moagem mais fina, semelhante à farinha de trigo. Tanto que, se você tocar os dedos no pó de café, facilmente grudará em suas mãos.

Identificando se a moagem do café é boa para espresso

Moagem 5: é uma moagem intermediária, tem a espessura de um açúcar cristal. Veja:

Moagem do café boa para espresso

Erro 04 – Colocar café em excesso no porta filtro

não confunda o porta filtro com o Schwarzenegger

Esse erro está ligado ao que citamos anteriormente. Afinal, a moagem e a proporção de café que você coloca no porta filtro podem provocar duas reações diferentes em sua bebida. São elas conhecidas como sub e super extração. Veja como identificá-las:

  • Sub extração: quando o café espresso não extrai direito, ou seja, ele fica aguado e sem características sensoriais evidentes.
  • Super extração: quando o café espresso passa do tempo adequado de extração, provocando sabores amargos adstringentes na bebida. Inclusive, em competições o desafio e extrair o café espresso entre 25 a 30 segundos.

Nesse sentido, tanto a moagem como a proporção de café utilizada podem provocar sub extração ou super extração no resultado da bebida. Quando você tem muito café no porta filtro, a tendência é ter dificuldades de encaixá-lo na máquina e, além disso, interferirá diretamente no tempo de extração que citamos anteriormente, ou seja, vai demorar mais para extrair e provocará sabores desagradáveis. Em contrapartida, se tiver pouco café, a água passará muito rápido por ele, resultando em um café mal extraído.

Portanto, equilibre a proporção de café conforme a máquina, o tamanho do porta filtro e a moagem. Geralmente, a proporção ideal varia entre 7g e 12g por dose de café espresso. Fique atento!

Erro 05 – Deixar de nivelar o café no porta filtro da máquina de espresso

não distribua o café à la Gregor Clegane

Agora, não adianta nada você ter a moagem e a proporção adequada e não distribuí-lo corretamente. Não deixe a proporção de café ficar naquele formato de “montanha” dentro do porta filtro (por favor). Afinal, você é um barista, um coffeelover, não um alpinista!

Pode até parecer frescura, mas cada detalhe é importante para que o café espresso seja extraído da maneira correta e torne sua experiência a mais agradável possível. Veja bem, se você distribuir o café de qualquer jeito no porta filtro, no momento da extração, a pressão será diferente dentro dele, dificultando a padronização da bebida.

Considerando que, quando a proporção de café estava no formato de montanha, ao pressioná-la, essa pressão se concentrou no meio, deixando as laterais mais soltas, a água encontrará caminhos mais fáceis por essas partes soltas, deixando de extrair a proporção totalmente. Então, distribua bem a proporção de café e deixe a superfície plana antes de pressionar com o tamper.

Colocando café no porta filtro da máquina de espresso

Erro 06 – Nivelar o café de forma incorreta

não é tobogã, tá?

Da mesma forma, depois que você deixou a superfície plana, você precisa se preocupar com a compactação do café no porta filtro. Ou seja, com o auxílio do tamper, é necessário pressionar o café de forma que ele fique completamente reto no porta filtro, ou seja, não dá para deixá-lo desnivelado, no formato de um escorregador, tá?

Além disso, essa compactação só pode ser feita uma única vez. Então, preocupe-se em nivelar a proporção de café no porta filtro da maneira correta. Assim seu café espresso terá um resultado perfeito.

Nivelando o café no porta filtro da máquina de espresso

Erro 07 – Colocar o porta filtro na máquina de espresso e se distrair fazendo outras coisas

que cara tem a sua cafeteria?

Por fim, se, após encaixar o porta filtro na máquina, você esqueceu da vida e foi fazer outras coisas ou atender clientes, não valeu de nada aprender tudo isso. Quando você lembrar e voltar para terminar de fazer o café espresso, o porta filtro estará fazendo aniversário de casamento com a máquina nas Bodas do Amargor.

Para preparar um bom café espresso, sua atenção precisa estar voltada completamente para cada processo, afinal, cada etapa é importante. Vamos te explicar por quê:

Primeiramente, antes de encaixar o porta filtro, é necessário descartar um pouco de água para higienizar o grupo da máquina de espresso que será utilizado e, ao mesmo tempo, equilibrar a temperatura para receber o café (essa primeira água tem uma certa variação de temperatura).

Depois disso, ao encaixar o porta filtro, você precisa apertar imediatamente o botão para fazer a extração do café. Nesse sentido, a maquina de espresso tem um “delay” no preparo, de 3 a 4 segundos, que é exatamente o tempo da água passar pelo café. Inclusive, entendemos que é um tempo de pré-infusão que a máquina faz antes de extrair o café na xícara. Entenda o que é pré-infusão aqui!

Geralmente, esse delay é o momento de posicionar as xícaras para receber a extração. Se você esquecer o porta filtro na máquina sem fazer a extração, o café ficará em contato com alta temperatura da máquina, ocasionando sabores indesejáveis na sua bebida.

Dica extra

bônus para apaixonados em café espresso
Se você tem uma cafeteria, procure não lotar os grãos de café no moedor da máquina, vá abastecendo a cúpula conforme o movimento de clientes. Da mesma maneira, se você tem alguma máquina de café espresso caseira, procure seguir o mesmo raciocínio (abastecer de grãos conforme seu uso). Nesse sentido, entenda que a partir do momento que o café está exposto ao oxigênio, ele está propenso a oxidar e perder suas características sensoriais, prejudicando o resultado da extração. Além disso, ao terminar o ciclo de trabalho, ou se você já está satisfeito com a dose que tomou em casa, armazene o café no final do uso para preservá-lo. Inclusive, você pode aprender mais sobre como armazenar seu café clicando aqui! Concluindo, esse cuidado extra é fundamental para preservar a qualidade das suas xícaras de café. Siga essas dicas e depois você espressará bem melhor! Conta pra gente como tem sido sua experiência nos comentários! Ah! Já ia me esquecendo… Se você deseja aprender como fazer café espresso que impressiona seus clientes, você tem que participar do nosso treinamento. Isso enriquecerá seu conhecimento nesse universo magnífico do café. Saiba mais!

Onde encontrar cafés de qualidade?

Gabriel Guimarães

Iniciou no universo dos cafés ao conhecer Hélcio Júnior, diretor da Unique Cafés, que o convidou para se tornar barista ao perceber a facilidade em comunição e paixão, ao ser atendido por ele em um bar onde o mesmo atuava como bartender.

Curso Cafezeiro Grátis

Aprenda tudo sobre cafés neste curso exclusivo!

Compartilhe com os amigos cafezeiros!

MAIS CONTEÚDO

Como avaliar a qualidade da crema de café espresso

Como avaliar a qualidade da crema de café espresso

INTRODUÇÃO Quem vê cara, não vê coração, mas quem vê a crema de espresso, já sabe da qualidade! Se você é fã do café espresso, provavelmente já ouviu falar sobre isso. Hoje te mostraremos quais problemas podemos identificar através da crema do espresso e quais são as...

Posso mexer o café filtrado?

Posso mexer o café filtrado?

INTRODUÇÃO Antes de tudo, é importante relembrarmos que cada etapa do preparo de um café interfere diretamente no resultado da bebida. Em outras palavras, isso significa que a maneira como você filtra o café (a moagem que você utiliza e as técnicas) influenciará no...

Como fazer café na cafeteira italiana

Como fazer café na cafeteira italiana

Muita gente pediu, a gente obedeceu, trouxemos as melhores dicas para você se tornar o mestre da cafeteira italiana! Quer aprender agora como fazer café na cafeteira italiana e se surpreender com a qualidade do método? Ah, e, claro, acompanhado de algumas curiosidades...

QUER MAIS?

Todo cafezeiro quer sempre aprender mais! Então fizemos muito conteúdo para você aproveitar! É só pesquisar abaixo:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0
    0
    Carrinho
    Carrinho vazioRetornar à loja
    Conversar
    Oi, precisa de uma mãozinha?

    ×